Center for Research Libraries - Global Resources Network

Resources for

Objetivo

O Cooperative Africana Materials Project (CAMP), estabelecido em 1963, é um empreendimento coletivo de bibliotecas de pesquisa através do mundo e do Center for Research Libraries (CRL) com o objetivo de promover a conservação de arquivos e publicações de mais de cinquenta países do Saara do Sul da África* e de manter estes materiais em microforma à disposição dos pesquisadores.

*O Middle East Materials Project (MEMP) engloba cinco países da África do Norte: Egito, Líbia, Tunísia, Algéria, e Marrocos, assim como materiais em árabe do Sudão.

Países e Materiais incluídos no CAMP

O CAMP adquire coleções caras em microformas e autoriza a reprodução fotográfica direta de importantes materiais de pesquisa na América do Norte, África, e Europa. O CAMP preserva cópias em microformas dos seguintes materiais:

  • jornais diversos, incluindo títulos recebidos por assinatura
  • periódicos
  • publicações oficiais
  • arquivos pessoais e de empresa
  • documentos pessoais de historiadores, jornalistas, antropólogos, geógrafos, e dirigentes oficiais
  • escritos em inglês, francês, português, espanhol, alemão e em outras línguas européias assim como em xhosa, zulu, e em outras línguas africanas.

O acervo em microforma do CAMP é composto de materiais de grande informação e de fontes primárias de dados históricos, políticos, linguísticos, econômicos e geográficos que ainda não estão disponíveis de outra forma. As bibliotecas associadas ao CAMP podem contar com as vastas coleções de jornais e periódicos em microformas, de forma a evitar os altos custos de aquisição, catalogação, e preservação desses materiais ao nível local.

Publicações Oficiais

Exemplos dos documentos conservados pelo CAMP em áreas diversas são Government publications relating to African countries prior to independence (East Ardsley, U.K.: Microform Academic Publishers under the auspices of the African Studies Association of the U.K.) para os Camarões, a Gâmbia, a Ghana, o Quênia, o Malavi, a Nigéria, a Tanzânia, a Uganda, a Zâmbia, e o Zimbábue. Outras publicações oficiais africanas incluem jornais oficiais e relatórios de bancos nacionais. Estão também disponíveis as publicações oficiais da Comissão Econômica das Nações Unidas para a África em Adis-Abeba, na Etiópia, e muitos outros títulos sobre o desenvolvimento dentro do contexto africano, publicados pela Agência Internacional para o Desenvolvimento (Estados Unidos).

África ocidental: Nigéria

A coleção do CAMP inlcui publicações em diversos tópicos tais como a guerra civil de Biafra, a agricultura, o colonialismo, a economia e o comércio, a comunicação, os recursos naturais, e a educação. Outros documentos dentro desta área tratam da história colonial de Lagos e de outras cidades, e também das decisões administrativas relacionadas ao estado do país. A coleção de microforma do CAMP é composta de vinte-cinco jornais da Nigéria.

África ocidental: Sahel

CAMP adquiriu Sahel: documents and dissertations collection (East Lansing, MI: Sahel Documentation Center, Michigan State University). Esta série de microfichas inclui informações e bibliografias detalhadas sobre a agricultura, a defesa do ambiente e os recursos naturais, o desenvolvimento, a fome e a seca, a educação, a saúde, o gado, a literatura oral, a urbanização, a mulher, o trabalho, e o transporte em Mali, Niger, Burkina Fasso, Chad, Mauritânia, Senegal, e Gâmbia.

África ocidental: Libéria, Costa do Marfim, Gâmbia, Togo

CAMP possui os Albert Porte Papers, uma coleção extensiva de jornais da Libéria da primeira metade do século XX. A coleção The Collection of the Honourable Louis Arthur Grimes, 1883-1945 inclui o pedido de assistência da Libéria à Liga das Nações em 1931. Também fazem parte desta coleção muitas publicações oficiais relacionadas ao desenvolvimento econômico e social destes quatro países.

África portuguesa

CAMP adquiriu uma coleção de setenta e um jornais e periódicos da Angola, do Cabo Verde, da Guiné-Bissau, de Moçambique, de São Tomé e Príncipe, e de Portugal.

África austral

CAMP desenvolveu uma coleção em microforma importante de arquivos, periódicos, jornais, e publicações oficiais tanto ao nível nacional quanto ao nível local. Estão incluídos aqui documentos sobre os movimentos de independência tais como o Congresso Nacional Africano (African National Congress (ANC) na África do Sul, e o South West Africa People's Organization (SWAPO) na Namíbia. Graças a reprodução em microforma da Carter-Kris Collection, 1920-1965 e da publicação subsequente do seu índice por Susan G. Wynne entitulada South African political materials: a catalogue of the Carter-Karis Collection (Bloomington, IN: South African Regional Archives Project, 1977), estes materiais sobre os movimentos políticos negros na África do Sul são uma das coleções mais usadas entre os documentos adquiridos pelo CAMP.

Esta coleção inclui microfilmes de mais de oitenta jornais sul-africanos atuais e retrospectivos. É composta também de microfilmes dos arquivos do South African Institute of Race Relations, do Trade Union Congress of South Africa, das publicações de língua tswana, e relatórios sobre a morte de Steve Biko e sobre os processos políticos na África do Sul.

África oriental e central

A coleção de jornais da África oriental e central é especialmente rica no estudo dos países: Djibouti, Quênia, Somália, Tanzânia, Zaire, e Zimbábue. CAMP possui uma coleção abrangente de documentos sobre o desenvolvimento econômico e social da mulher publicados pelo African Training and Research Center for Women da Comissão Econômica da Organização das Nações Unidas em Adis-Abeba, Etiópia. A coleção sobre o Zaire e sua história é composta de mais de 250 títulos.

Anuidades

A anuidade é de $800 (US) para as instituições associadas ao Center for Research Libraries (CRL), e de $1,300 (US) para as instituições da América do Norte não associadas ao CRL. Os membros do CAMP têm a autoridade de decidir sobre a aquisição de materiais do projeto.

Informação para Associarse ao CAMP

Os membros do CAMP pagam uma anuidade que depende de serem our não associados ao CRL. As bibliotecas estrangeiras pagam uma taxa menor do que aquelas na América do Norte.

Todas as decisões relativas à seleção de materiais são feitas exclusivamente pelos membros do projeto. A maior parte do orçamento do CAMP é usada para a aquisição de materiais novos, e alguns fundos estão reservados para a catalogação dos materiais e publicação dos guias das coleções em microforma. Os membros do CAMP podem submeter um pedido imediato de compra de materiais que custem $200 (US) ou menos ao Director of International Resources do CRL. Pedidos para títulos que custarem entre $200 a $400 devem ser submetidos ao comitê executivo para aprovação. Títulos mais caros devem ser aprovados pelos membros do CAMP.

Uma reunião de negócios do CAMP é efetuada duas vezes por ano. A reunião do outono coincide com a conferência anual da African Studies Association. A reunião da primavera alterna entre as instituições associadas. O comitê executivo é composto de membros eleitos, de membros ex-officio do Africana Librarians Council (African Studies Association, U.S.A.), e de dois professores representando as universidades membros.

Informação sobre as coleções do CAMP acesso aos Materiais

Todos os materiais do CAMP são mantidos no CRL. Até agora, CAMP comprou ou reproduziu em microformas mais de 10.000 títulos . Os 7.590 títulos adquiridos e catalogados antes de 1985 estão incluídos no CAMP catalog: 1985 cumulative edition (Chicago: Center for Research Libraries. 642 p.). Títulos adquiridos depois de 1985, assim como a maioria dos títulos no catálogo impresso, se encontram na base de dados do CRL. Todos os materiais catalogados pelo CAMP estão também disponíveis através das bases de dados do OCLC.

Além das descrições bibliográficas das coleções em microforma, CAMP fornece índices de conteúdo e guias em microfilme para uma grande parte das coleções.

Títulos novos adquiridos pelo CAMP serão incluídos no boletim bimensal do CRL Focus on the Center for Research Libraries, e nas atas do CAMP publicadas no boletim trimestral Africana Libraries Newsletter.

Todos os materiais do CAMP estão disponíveis aos membros do CAMP e do CRL através do empréstimo inter-bibliotecas. Critérios de empréstimo foram estabelecidos para usuários não associados ao CAMP ou ao CRL. CAMP fornecerá para venda cópias de todo e qualquer documento para o qual possuir o micofilme original.

O CENTER FOR RESEARCH LIBRARIES, fundado em 1949, é uma organização cooperativa operada por mais de 130 membros de bibliotecas universitárias e de pesquisa. O Centro adquire, conserva, efetua a descrição bibliográfica, e mantem acesso a sua coleção de mais de 5 milhões de volumes.

Follow CRL

Stay informed by subscribing
to our e-mail list and social
media outlets.